notícias

Diversos assuntos sobre a Fisioterapia Aquática e artigos interessantes sobre a área

17
set

Aquática Fisioterapia participa de curso avançado em Salvador (BA)

Entre os dias 21 e 25 de agosto de 2012, em Salvador (BA), profissionais da Aquática Fisioterapia participaram do curso avançado “Avaliação e Tratamento de Pacientes Adultos com Disfunção Neurológica – Baseado no Conceito Bobath”, institulado “Abordagem em ataxia e superfícies móveis”. O curso foi ministrado pela Fisioterapeuta israelense Elia Panturin.

SOBRE A ATAXIA

A ataxia é a falta de coordenação muscular devido a problemas nas regiões do sistema nervoso que controlam o movimento e o equilíbrio. Diferentes áreas do corpo podem ser afetadas pela ataxia, dentre elas, os olhos, dedos, mãos, braços, pernas, tronco e até mesmo a fala e a capacidade de deglutir.

Sintomas

A ataxia é, na verdade, um sintoma por si só. Contudo, esse sintoma pode aparecer de diferentes maneiras, incluindo:

- Má coordenação

- Caminhar instável ou tendência para tropeçar (marcha ebriosa)

- Alterações na fala (disartria)

- Dificuldade em engolir

- Movimentos oculares involuntários (nistagmo)

- Dificuldade em tarefas motoras finas, como escrever ou abotoar uma camisa.

Causas

A ataxia pode ser hereditária (produção de proteínas anormais que afetam negativamente as células nervosas) ou esporádica. As principais causas de ataxia esporádica são: AVE, AIT (ataque isquêmico transitório), trauma na cabeça, paralisia cerebral, esclerose múltipla, tumor, reação tóxica (álcool, drogas), efeitos secundários de medicamentos, síndrome paraneoplásica, e infecções virais.

Tratamento

O tratamento medicamentoso depende da causa da ataxia e deverá ser prescrito por um médico especialista. Já o tratamento fisioterapêutico, tanto com a Fisioterapia convencional (no solo) quanto com a Fisioterapia Aquática, é indicado para melhorar a força, a mobilidade, a destreza, o equilíbrio e a marcha.